Prova de Vida: quais são as novas regras do governo?

Posts
Recentes
prova de vida

Prova de Vida: quais são as novas regras do governo?

A Prova de Vida passou por mudanças. Agora, de acordo com o próprio INSS, os segurados não precisam mais sair de casa para provar que estão vivos, já que outros procedimentos serão levados em consideração.

A comprovação presencial só será necessária quando o Governo já tiver utilizado todos os recursos, como: os dados públicos do segurado, os atos de votação e a confirmação de vacinações. 

Todos esses elementos são levados em consideração para comprovar a vida do segurado, sem a necessidade de sair de casa. Quer conhecer mais informações sobre a Prova de Vida? Continue a leitura!

prova de vida

É pensionista do INSS e precisa de um cartão consignado? Clique aqui e saiba mais sobre o que o Na Sua Conta tem para te oferecer!

O que é a Prova de Vida?

A Prova de Vida, também conhecida como “Renovação de Senha” ou “Fé de Vida”, é um procedimento obrigatório que deve ser feito pelos segurados do benefício, mais precisamente aqueles que recebem o pagamento do INSS na conta corrente. 

Este procedimento também deve ser realizado entre os segurados que recebem o pagamento através do cartão magnético ou conta poupança. Enfim, este procedimento é fundamental, principalmente para comprovar a vida. 

Para continuar recebendo os valores nas determinadas contas, os segurados devem realizar a Prova de Vida. Enfim, existem diferentes maneiras de realizar essa prova, seja em uma agência ou por precaução. 

Para que o procedimento seja realizado, os contribuintes devem estar com os seguintes documentos em mãos: documento de identificação com foto, como o RG ou CNH; e a Carteira de Trabalho. Existem instituições que usam a biometria para realizar o procedimento. 

Como realizar a prova em 2022?

Segundo as novas regras estabelecidas pelo INSS, os contribuintes não precisam ir presencialmente até uma agência para realizar a comprovação. Existem diferentes maneiras de realizar esse procedimento. 

Este procedimento acontece da seguinte maneira: o INSS cruzará todas as informações do titular para confirmar que ele está vivo. Vale ressaltar que essa comprovação leva em consideração os 10 meses posteriores ao aniversário do contribuinte. 

Porém, se o INSS não encontrar os dados referentes à comprovação, é necessário realizá-la presencialmente. Entretanto, cabe ao INSS encontrar uma forma dos contribuintes de comprovarem a vida, sem a necessidade de sair de casa. 

Em situações como essa, a biometria funciona como uma forma de comprovação. Entre as principais formas de Prova de Vida, o INSS especificou os seguintes atos para comprovar a vida. 

  • A contratação ou a renovação do empréstimo consignado, que é feito através do reconhecimento biométrico;
  • Acesse o aplicativo oficial do Meu INSS ou em outros aplicativos que façam parte dos órgãos ou entidades públicas;
  • Os segurados podem ir presencialmente até a agência ou realizar a comprovação através da biometria; 
  • Através dos comprovantes de vacinação;
  • Pelo cadastro ou recadastro nos principais serviços de segurança pública ou de trânsito;
  • As atualizações referentes ao CadÚnico, mas só quando ela é feita por parte dos órgãos responsáveis; 
  • entre outros. 

Graças a essa série de comprovações, os segurados não precisam ir presencialmente até uma agência. Isso porque, a realização de qualquer procedimento citado anteriormente, permite que o INSS comprove a vida. 

Quando as novas regras entram em vigor?

As novas regras referentes à Prova de Vida foram aprovadas e passaram a valer a partir do mês de fevereiro de 2022. Lembre-se que o mês do aniversário do contribuinte deve ser levado em consideração para que a comprovação seja feita. 

Quais contribuintes precisam fazer a comprovação?

Agora que você conhece todas as características da comprovação, é o momento de conhecer quais contribuintes devem realizá-la. Entre os principais contribuintes, destacam-se os aposentados e pensionistas do INSS. 

Enfim, além dos contribuintes citados anteriormente, os benefícios do INSS também precisam realizar este procedimento. Vale ressaltar que o pagamento é feito através da conta corrente, do cartão magnético ou da conta poupança. 

Este procedimento é fundamental em diversos sentidos, principalmente para continuar recebendo o benefício. Além disso, o processo serve para evitar possíveis fraudes, além da manutenção do pagamento ser feita. 

Os segurados continuam realizando a comprovação normalmente?

Mesmo que as regras referentes à prova tenham mudado, o segurado continua realizando a comprovação de vida normalmente. A única modificação é que não haverá mais bloqueios pela falta de comprovação durante o ano. 

Além disso, os segurados que desejarem realizar o procedimento presencialmente, não precisam se preocupar! As agências continuam aptas para recebê-los e ajudar a realizar o procedimento. 

Ou seja, a instituição financeira não pode recusar que a comprovação de vida seja realizada. Os segurados também podem realizar o procedimento através da biometria facial, mais precisamente o aplicativo oficial do Meu INSS

prova de vida

Quais entidades realizam parcerias de visitas para a comprovação de vida?

A princípio, o INSS designará parceiros ou servidores para realizar a Prova de Vida dos segurados. Vale ressaltar que todo o serviço e procedimento é feito de forma transparente e segura, de acordo com a própria legislação vigente citada. 

Como realizar a prova em 2022?